Qual a importância dos ensaios realizados no Lab.fw?

O laboratório Lab.fw dispõe de uma vasta gama de ensaios laboratoriais de modo a permitir uma caracterização detalhada da pedra natural e contamos com uma equipa técnica muito experiente, essencial para um serviço com qualidade.

Desenvolvemos e executamos metodologias de ensaio especiais de acordo com as necessidades dos nossos clientes e estamos focados em agregar valor às indústrias focadas no desenvolvimento de produtos. Para além dos ensaios, oferecemos serviços complementares à caracterização de pedra natural e avaliação da adequação do material à aplicação pretendida.

Na nossa perspetiva, a maioria das empresas vê os ensaios físico-mecânicos previstos pela Marcação CE como um custo adicional, sem perceberem o acrescento de valor que podem trazer aos produtos que vendem e, a uma escala mais larga, a todo o setor. Nesse sentido, tornou-se relevante explicar os objetivos de alguns dos ensaios que realizamos no nosso laboratório porque continuamos a defender este princípio de valorização pela qualidade.

Porquê fazer o ensaio de resistência à flexão?

Ensaio Flexao

A execução deste ensaio é importante sempre que as pedras forem sujeitas a fortes solicitações de flexão, tal como acontece quando são aplicadas em pisos suspensos (degraus de escadas), bancadas e, em particular, revestimentos de fachadas de prédios muito altos, nos quais as pedras são fixas através de ancoragens metálicas, e necessitam de ter uma resistência adequada para absorver as acomodações do suporte e as pressões do vento, sem sofrer alterações. Trata-se também de um parâmetro importante no dimensionamento da espessura de chapas e/ou ladrilhos.

Porquê fazer o ensaio de carga de rutura ao nível de um orifício de ancoragem?

As fachadas em pedra continuam a ser emblemáticas e são diversos os sistemas de fixação que podem ser utilizados. Para garantir a adequação do sistema e do tamanho de placas a utilizar, é necessário avaliar a resistência do conjunto pedra mais sistema e fazer o projeto de dimensionamento a partir daí.

Porquê fazer o ensaio de resistência ao escorregamento e desgaste?

Resistência ao Desgaste

Resistência ao Escorregamento por Intermédio do Pêndulo de Atrito

A aplicação da pedra em pavimentos é muito comum tanto no interior como no exterior. No entanto, se o desgaste não for avaliado, pode haver tendência à perda de material ao longo do tempo de vida do material e, por outro lado, se o acabamento não for adequado e o escorregamento medido, pode por-se em risco a segurança dos peões. Rochas mais resistente ao desgaste e ao escorregamento são mais apropriadas para o emprego em pavimentos de utilização intensiva, com frequentes solicitações de atrito, tais como, locais públicos de passagem.

Porquê fazer o ensaio de resistência à compressão?

Deve conhecer-se o valor deste parâmetro sempre que a rocha tenha de suportar cargas verticais elevadas, uma vez que o ensaio determina a tensão máxima que provoca a ruptura do material, quando é submetido a um esforço compressivo, relacionado-se diretamente com a segurança e a estabilidade estrutural dos materiais de construção.

Porquê fazer o ensaio de absorção de água e porosidade aberta?

Absorção de Água à Pressão Atmosférica

Massa Volúmica Aparente e Porosidade Aberta

Estas propriedades são elementos de avaliação da compactação e resistência da rocha, podendo indiciar a sua durabilidade num determinado meio. Representam índices decisivos na escolha do material para usos que envolvam o contacto com a água, antecipando, por exemplo, o aparecimento de manchas e processos de alteração.

Porquê fazer o ensaio de resistência ao gelo e choque térmico?

Resistência ao Gelo

Resistência ao Envelhecimento por Choque Térmico

Os ensaios de envelhecimento acelerado pretendem simular os efeitos a que a pedra estará sujeita no seu período de vida útil, e perceber de que forma a pedra se comportará durante este período. Neste tipo de ensaios é feita uma avaliação antes e depois dos ciclos de envelhecimento, e, através da comparação destes resultados, é determinada a perda de resistência. Desta forma é possível determinar os efeitos que o frio (Gelo) ou o calor (Choque Térmico) têm na estrutura da pedra. É também realizada uma inspeção visual para determinar se há alterações a nível estético.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Adicione aqui o texto do seu título

Outros artigos

Photostone

Na área de Visão e Inteligência Artificial da Frontwave trabalhamos...

Ler mais

FRONTWAVE
frontwave@frontwave.pt
( +351 ) 217 648 585

ESTREMOZ | SINTRA

2020 – ALL RIGHTS RESERVED FRONTWAVE