O que é a robótica industrial?

A robótica é um ramo da engenharia que envolve a concepção, o projeto, a fabricação e a operação através de robôs, que são desenvolvidos para controlarem de forma flexível diversas finalidades.

A robótica industrial é um ramo da robótica que ganhou uma importância preponderante no século passado, revolucionando totalmente o ambiente industrial em apenas algumas décadas. Com o principal objetivo de realizar tarefas de uma forma mais eficaz e rápida que o ser humano, a robótica industrial refere-se à utilização de robôs na implementação de tarefas no “chão de fábrica”. Como reflexo da evolução tecnológica, a indústria consegue otimizar (acelerar) processos, reduzir desperdícios, reduzir riscos de falha e facilitar o funcionamento contínuo e autónomo.

A especialização das tarefas realizadas pelos robôs está diretamente relacionada com as indústrias que mais investem na robótica industrial, como é o caso da indústria automóvel. O desenvolvimento de uma linha de produção com a utilização de robôs pode prever funcionamento de apenas um robô, colaboração entre robôs e colaboração entre robôs e pessoas, sendo o leque de tarefas possíveis tão vasto como a necessidade, criatividade e investimento do seu utilizador.

Atualmente, a capacidade máxima dos robôs é alcançada quando os mesmos estão incorporados numa fábrica IoTT (Internet of “Trusted” Things), onde há comunicação digital total entre máquinas e pessoas as quais se reconhecem mutuamente. Esta ligação invisível permite uma coordenação total entre as diferentes ferramentas, maximizando a utilização das mesmas e ainda tarefas como a gestão de stocks, otimização de processos e previsões de entrega.

  1. Quais são as soluções de robótica industrial para o setor da pedra natural?

Para a indústria da pedra, um dos maiores desafios da utilização da robótica é o aumento de escala (peso e área de superfície), quando comparada com a escala dos maiores utilizadores da robótica. A este desafio, junta-se o desafio da presença constante da água e pó, também bastante diferentes de uma sala limpa, bem como a robustez do sistema relativa à precisão com que executa as tarefas ao longo do tempo.

Os 4 principais soluções desenvolvidas pela Frontwave são:

Descarregamento automático (info: no mercado em setembro de 2020)

Esta é a primeira solução do mercado customizada à indústria da pedra para efetuar o descarregamento automático de produtos cut-to-size proveniente de equipamentos de corte ou acabamento. Preparada para integrar a grande maioria de sistemas existentes no mercado, pode ser facilmente adaptada quer a produtos de pequena dimensão, quer de elevado peso. Permite ganhos substanciais nos tempos de produção e automatização das tarefas mais duras, auxiliando os operadores de linha nos processos de controlo da qualidade e melhoria contínua.

Embalamento em produção (info: soluções mediante projeto)

Solução inovadora que permite integrar o descarregamento com sistemas de embalamento flexíveis que se adaptam às necessidades de cada cliente face ao tipo de produtos que fabricam. Podem ser integrados à saída de equipamentos de polimento, corte e acabamento. Para o seu máximo aproveitamento, devem ser integrados com os sistemas de visão artificial oferecidos pela Frontwave, usando as soluções de software que automatizam a classificação e seleção de pedra natural.

Fabrico flexível de texturas (info: no mercado no 1º trimestre de 2021)

Sistema que permite a aplicação de texturas na superfície dos produtos a partir da criação de um variado número de designs que utilizam como padrão as características naturais da pedra. O sistema contempla:

– A integração com sistemas de digitalização de alta qualidade disponíveis no mercado;

– A utilização das imagens digitalizadas de pedra, sobre a qual são criados um conjunto de efeitos visuais na superfície e que utilizam como referência as suas características naturais.

– A produção física do design através de processos de contato com a pedra (disco, fresas de desbaste e polimento, jato de areia ou água, aplicação química, entre outros), que são aplicados a partir do design criado e utilizando um sistema robótica automatizado.

A existência deste novo sistema permite ao utilizador a implementação de novos produtos no mercado a partir da mesma matéria-prima, incrementando o aproveitamento de um maior número de pedras naturais que não tenham atualmente valor comercial. Por outro lado, permite usar o sistema de design de superfícies para criar com os seus clientes produtos personalizados. A integração deste sistema com soluções de digitalização permite uma gestão da produção que permite ao cliente final antever (virtual dry-lay) o resultado final da aplicação.

Maquinação com controlo de força (info: desenvolvimento em curso)

Aplicação de soluções com controlo de força a processos de acabamento de pedra natural, garantindo uma utilização otimizada das ferramentas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Outros artigos

FRONTWAVE
frontwave@frontwave.pt
( +351 ) 217 648 585

ESTREMOZ | SINTRA

2020 – ALL RIGHTS RESERVED FRONTWAVE